Seção Saideira: “Garçon, traz o prato e faca!” (Otacílio)

Garçon, traz o prato e a faca!

Eu tava junto com o primo do Nei biritando em um frege na praça Mauá e me ocorreu: por que não dar um pulo na birosca pra tomar a saideira, ver o Nei e de quebra dar um abraço, um abraço não, um “corona-toque’ (aquele CÚtovelo com Cútovelo)no meu personal garçom Beto Bom Palpite?

Chegando na jogada, mais atrasado que o Márcio Santos em final de carreira, soube da notícia. Beto sofreu um acidente e não poderá mais exercer sua honrosa função. Se recupera bem, lá pros lados do Jaçanã. Prontamente passei a mão no celular para cumprimentar o amigo pelo dia do garçom e prestar minha solidariedade em função do acidente. Beto não é só bom de palpite errado mas também é super bom astral, uma energia incrível e estava melhor que nós. Não tenho duvidas que sairá dessa rapidamente e iremos entornar muitas saideiras, só que daqui em diante eu do lado de cá do balcão e ele também!

-OOO Neymar, a primeira saideira, Brahma faz favor! (para cobrir a ausência do Beto, a japonesa dona da chafarica improvisou vários garotos, todos com pinta de jogador ou de vocalista de sertanejo pós moderno).

-A Rainiquém está o mesmo preço senhor!

-Enfia no cú! E segue o jogo!

Infelizmente Nei nem pintou na bodega, outro primo dele disse que havia passado por ali e iria voltar. Queria dividir com ele a angustia que me causa imaginar que o Capetão Messias pode se reeleger, mesmo com os inumeráveis absurdos históricos do seu governo, Rosconaro tomou pra si os louros do auxilio emergencial. Assim como o PT não soube promover os avanços sociais que produziu, criando consumidores e não cidadãos, o congresso nacional não conseguiu passar a mensagem que, o auxilio emergencial é uma vitória dos congressistas sobre o presidente e seu ministro dorme sujo Guedes (o Paulo Guedes não parece aquelas pessoas que formam aquele marshmallow de baba no canto da boca enquanto fala?) que não queriam pagar mais do que R$ 200,00 por três meses de auxilio, chantageando o infeliz do trabalhador a furar a quarentena para sair as ruas em busca da sua sobrevivência fazendo a economia rodar em prol dos que estão cumprindo quarentena a gerações. Saiu hoje, a pesquisa Datafolha que mostra que 47% dos entrevistados eximem o Capitão Corona de qualquer responsabilidade sobre as mortes causadas pelo Covid-19. Estarrecedor mas é mais um sinal da lua de mel entre o presidente e as camadas mais pobres do Brasil. Mijair chega agora ao nordeste, parece que está curtindo o populismo. O brasileiro pensa com o estomago, quem dá, leva, mesmo não dando porra nenhuma, mesmo querendo tirar. Enquanto isso o campo progressista está mais rachado que o pescoço da Regina Duarte. Haddad não agrada fora do PT, Ciro causa repulsa entre os petistas e também não atinge o derredor das madalenas arrependidas, Boulos, Marina e Cia colaboram com o racha. Acredito numa frente forte ao Capetão Seborréia mas, por enquanto assistimos, isolados, sua consolidação como político do primeiro escalão.

– OOO Neymar mais um Brahmão, sem deixar cair!

Romero Brito, o decorador dos bregas emergentes tomou a dele essa semana. Foi a um restaurante, maltratou os funcionários que o serviram e reforçou que  empáfia e falta de educação é padrão entre os eleitores do Capetão Cloroquina. Pois bem, a dona da bodega resolveu pagar na mesma moeda. Foi ao Vernissage do decorador aliás, um vernissage do Romero Brito parece mais um Buffet Infantil decorado para uma festa do patati-patata, comprou uma “obra” e tacou no chão, denunciando o mal caratismo do decorer de varanda gourmet do Tatuapé! Eiiiita porra! Alô dona Mulher, mandou beeem! Qualquer dia desses vou tomar minha saideira aí na taberna da senhora!

Enquanto isso o jovem Neymar segue fazendo bobagem com minhas Brahmas, não sacou a temperatura ideal, segue alternando os pedidos entre Sacolé de Cevada e Exame de Urina da Tia Manón. 

Deve estar meio tonto vendo o Barcelona tomar de 8 depois de ver seu Flamengo tomar de 3,  os 2 times de coração do menino mineiro!

-Muleque, acorda caralho! Vou te dar um quadro do Romero Brito heim!

Quem precisa acordar também é o jornalismo cultural do país que chegou ao fundo do poço essa semana com a crítica da Revista “Especializada” Rolling Stones sobre a Live do Caetano Veloso, a lenda da autopromoção merketeira, e o uso do prato e faca como instrumento musical. Segundo a revista (não tive tempo para encontrar o nome do infeliz que escreveu ou a revista anda acobertando o gaiato) “Um dos momentos mais inusitados e cômicos aconteceu em “Pardo”, quando Moreno Veloso, na falta de instrumentos , usou um prato e um talher para fazer o som” e ainda intitulou o vergonhoso pitaco de “Instrumento Original”. Bom, não vou me dar ao trabalho, Caetano já disso tudo, citou suas referencias do samba de roda da Bahia (Patrimônio tombado) e citou João da Baiana que difundiram o utensílio como  instrumento consolidando-o como principal complemento percussivo nacional, o molho saca? Não saca não! Porque esse tipo de gente que ingressa no jornalismo cultural, de cultura não tem nada, são uns fanzocas do Pearl Jam que jogam o jogo das multinacionais para quem servem. A indignação não vem do babaca nunca ter visto um prato e faca sendo usado numa percussão, vem desse tipo de gente estar povoando as redações das grandes revistas e jornais, ocupando o cada vez mais raro espaço na mídia tradicional em detrimento de verdadeiros especialistas. Beto bom palpite acaba de me enviar um zapzap lá do horto florestal, dizendo que esse Mané só está na Rolling Stones porque o pai dele é o Keth Richards! A mesma revolta que os fãs de musica brasileira sentem em ler uma abobrinha dessa é a do Emicida em relação a Barbara Gancia! “Ah a tia não pode errar”? “ Ah a minha geração…” Desculpe minha senhora, a senhora não estava no zapzap do grupo da família, estava na Folha de SP o maior jornal do país com um espaço destinado a emissão de vossa opinião e não se opina sobre o que não sabe, a não ser no zap zap da família! Não culpe sua geração, pertence a ela Aldir Blanc, Nei Lopes, Luis Carlos da Vila e outras mentes brilhantes que a senhora talvez nem faça idéia de bate pronto do que produziram, não divida sua idiotice com terceiros, não se faça de coitada…por que desculpas ao Emicida? Por que ele trabalha no GNT? Por que ele é expoente e poderoso como a senhora mesmo disse? Dizer que o Rap Nacional faz apologia ao estupro comprova que a senhora nunca ouviu uma letra do Brown, o mano, ou talvez tenha déficit intelectual. Seja lá o que seja a senhora não poderia estar na Folha de SP nem em lugar algum falando sobre cultura se a senhora não a tem não pode esar na mídia convencional, assim como o menino não pode estar na revista Rolling Stone falando sobre música mesmo curtindo muuuuito “a vibe” boa do Vitor Kley “brother”! Pede pro papai arrumar um bico no Lance, dando palpite de futebol! Meu amigo Nei jura que não é ignorância, é canalhice! Pode ser um mix dos dois! Se as mídias tradicionais querem mesmo se diferenciar pela credibilidade dos produtores de fake news que pipocam por aí, precisam se livrar urgente dos Gaiatos de ocasião! Alo jornalecos e revistecas, se precisarem tem uns caras “bãooos” lá no site zumbidodebamba, esses sabem o que dizem!

Neymar, na boa meu filho…Quer ser jornalista de suplemento cultural? Pq pra abrir cerveja ta foda heim! Que saudade do Beto!

Frege, chafarica, buteco, Baiuca, bodega, birosca, botiquim, venda ou tendinha! O lance é que o bar é um prato cheio, com faca na mão para cortar o meia cura da vida, desabafar, fazer piada da cara de quem é uma comédia, batucar feito Edith do prato, João da Baiana ou Marcos Esguleba! Se o bar fosse uma escola de samba e eu acredito que seja, o garçom seria o mestre sala!

-Neymar a saideira e a conta por favor!

Essa saideira vai para Beto bom palpite que depois de mais de 40 anos servindo bem, dependendo do ponto de vista os beberrões de Santa Cecília teve de amputar a perna em decorrência da Diabete. Vai para Manuelzinho do  Petisco da Vila e vai Para o saudoso Willian do Valadares!

– Porra Neymar, é Brahma caralho não Skol Beats…Neílton! Você não passa de um Neílton! A conta Neílton, a conta!

Otacílio Cavalcante, um bebum de responsa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s